SEJA BEM VINDO AO MEU BLOG...





PLÁGIO É CRIME



POEMAS REGISTRADOS




segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Anjo caído

Me perco nas noites frias
noites onde jamais eu saberia
de onde vem este sangue
que em mim escorre
e essa dor que nunca morre
Me perco nos olhos daquele
que em mim permaneceu
Me encontrou, me amou e morreu
Anjo caído que se foi
no abismo se afundou
com o seu profundo rancor
Consigo ele me levou
Agora, noite fria
Agora, ninguém dorme
Com ele eu caí
Por ele eu morri
Noite fria nos matou
Nosso amor não aguentou
e com o vento se perdeu
Oh, meu anjo... já morreu

Um comentário:

  1. oieee amei o seu blog....se não se importa peguei uns poemas lindos que eu achei aqui mais eu dei creditos...beijoos....

    ResponderExcluir